Você sabia que há na história das franquias Zelda e Mario um momento em que elas foram lançadas fora dos consoles Nintendo? Pois é! Foi no Phillips CD-I. Se você quer saber a história toda, continue a ler o texto e vamos viajar juntos no tempo!

O SNES-CD e o surgimento de um gigante

Ao lançar um add-on para seu console Mega Drive, a SEGA (até então única que fazia frente à Nintendo) acendeu a luz de alerta no reino do cogumelo.  Naquela época, ninguém sabia ainda que o SEGA CD seria um fracasso (muito por culpa da SEGA e o lançamento apressado do Sega Saturn). Por isso, lançar um concorrente que era uma extensão do seu console super-vendido parecia ser uma ideia promissora.

A Big N então começa a se movimentar para lançar um add-on de CD para seu videogame Super Nintendo. Para isso, fechou um contrato de parceria com a SONY. Surgiu, então, o projeto SNES-CD (ou, como viria a ser chamado futuramente, o SNES PlayStation). No decorrer do projeto, a Nintendo, que já não andava satisfeita com o contrato firmado com a SONY, resolveu firmar nova parceria com a Phillips que tinha vasta experiência utilizando o CD-I (CD Interativo). Isso tudo sem dar qualquer satisfação à Sony e sem rescindir o contrato até então vigente, uma verdadeira punhalada na sua compatriota.

A Sony foi traída, mas mesmo assim resolveu tentar manter a “parceria” e lançar um console independente, mas que fosse compatível com os cartuchos do SNES (e assim herdar uma base gigante de jogadores). Após diversos desentendimentos e problemas, lançou seu videogame e o chamou de PlayStation. É meus amigos, a Nintendo criou o seu próprio monstro!

Um Snes Playstation foi recentemente descoberto

Em julho de 2015, um protótipo SNES PlayStation apareceu, tendo estado há anos esquecido no sótão de um homem. Aparentemente essa unidade foi descoberta em uma caixa de itens da empresa falida em que o pai do dono da casa trabalhava. Pura sorte, não?

Abaixo, vemos um vídeo que o site Engadget ligou e conseguiu jogar o Snes Playstation.

 

A parceria com a Phillips

Phillips CD-I surgiu em 1991 e era, inicialmente, um centro de multimídia interativo. A Nintendo, vendo a experiência da Phillips nesse setor de CDs com certa interatividade, resolve fazer um contrato de parceria. Porém, devido ao fracasso retumbante do Sega CD, a Nintendo cancelou o seu projeto de CD para Super Nintendo. Só havia um pequeno problema: por contrato, a Phillips poderia utilizar os personagens da Nintendo em CD-I. Um erro que, com certeza, a Nintendo nunca mais repetiria!

Surgem os 3 jogos de Legend of Zelda e 1 jogo do Mario para o famigerado console. Se tem uma coisa boa nisso tudo? Sim, não foi a Big N quem produziu esses lixos! A reputação dela está intacta com relação a essas duas franquias.

Phillips CD-I

A trilogia Zelda no CD-I

Se tem uma coisa imperdoável nesse mundo foi o lançamento desta trilogia composta pelos jogos: a) Link: The Faces of Evil; b) Zelda: The Wand of Gamelon; e c) Zelda’s Adventure. Aparentemente a Phillips pegou o que havia de pior em designers (gráficos, sons e todo o resto) e colocou pra produzir esses jogos. O resultado a gente consegue adimirar abaixo:

zelda1
Link: The Faces of Evil. O link não parece estar sofrendo um AVC?
zelda2
Zelda: The Wand of Gamelon. Que obra de arte, né?
Zelda's Adventure. A qualidade gráfica impressiona de tão ruim!
Zelda’s Adventure. A qualidade gráfica impressiona de tão ruim!

 

Colocarei abaixo os gameplays para vocês entenderem um pouco quão ruim são estes jogos. Assistam por sua conta e risco, ok?

 

 

 

Um jogo do Mario no CD-I

Sim! A Phillips mexeu com o maior mascote da Nintendo. Ela mexeu com o Mario! Olha esse jogo que coisa medonha! Pelo menos, na questão gráfica, o jogo está melhor que os 3 Zeldas acima citados.

Nossa! Que jogo emocionante deve ser! Aposto que é um jogo indispensável para qualquer gamer!
Nossa! Que jogo emocionante deve ser! Aposto que é um jogo indispensável para qualquer gamer!

Como de praxe, vou deixar o gameplay para vocês verem!


É isso pessoal! Espero que tenha gostado desse artigo! Em breve, esperamos trazer mais curiosidades do mundo da Nintendo para vocês. Enquanto isso, siga-nos nas redes sociais e comente o que achou dessa história toda!

Até a próxima.